A avaliação é geralmente entendida como sinônimo da prova tradicional, apesar de serem conceitos diferentes. “A primeira é uma prática pontual e limitada, que permite verificar o conhecimento do aluno em um determinado momento sem aferir seu avanço ao longo da disciplina”, diferencia o professor substituto de Linguística na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Jean Carlos da Silva Gomes. “Avaliar, por outro lado, abrange práticas gerais que verificam o desenvolvimento do aluno ao longo do processo de aprendizagem”, enfatiza.

“A avaliação pode ser realizada de diversas maneiras, das atividades formais a uma conversa com os estudantes sobre o conteúdo tratado nas aulas”, acredita Gomes. Muitas são as possibilidades que podem substituir ou complementar a prova tradicional. Confira, a seguir, onze indicações de instrumentos que permitem averiguar avanços e lacunas na aprendizagem do aluno de forma processual e contínua.

Seminário

É uma prática didática que combina oralidade e escrita, podendo ser utilizado como avaliação de aprendizagem individual ou em grupo. Ao entender e explicar um tema, o aluno participa ativamente da produção de conhecimento por meio de trocas, debates e interação, além de exercitar oratória e criticidade.

Avaliação na sequência didática

É uma forma de articular diferentes atividades para ensinar um conteúdo. Ela é diferente da aula – uma unidade didática com começo, meio e fim, e que dura apenas um dia. Essa configuração permite que a sequência didática seja utilizada como instrumento de avaliação processual e contínuo, acompanhando o desenvolvimento dos estudantes.

Autoavaliação

Ela permite ao aluno refletir sobre o processo de aprendizagem vivido e descobrir seus limites, potencialidades e graus de desenvolvimento em relação às habilidades e competências esperadas dele.

Portfólio

O portifólio reúne registros das atividades realizadas pelos alunos durante as aulas em uma pasta individual. Com isso, permite que o professor acompanhe seu desenvolvimento a partir de critérios pré-estabelecidos.

Pré e pós-teste

O teste é como uma fotografia que registra um momento da aprendizagem. Antes de uma sequência didática, esse pré-teste averigua o conhecimento inicial dos estudantes sobre um determinado assunto. Já o pós-teste é aplicado após a finalização da sequencia didática e averigua se a trajetória desenvolvida avançou ou deixou lacunas.

Mapa mental

É uma ferramenta que permite condensar e contextualizar um conceito utilizando textos, imagens, desenhos, setas e outros símbolos. Pode ser utilizado como ferramenta de ensino, para resumir um conteúdo estudado ou para avaliar a aprendizagem. Em todos os casos, os alunos resgatam e organizam conhecimentos vistos, além de poderem expressar ideias com criatividade.

Kahoot

É uma plataforma que permite criar um jogo de perguntas e respostas online e interativo. As questões são respondidas pelos alunos, individualmente ou em grupo, via celular. Ao final, é possível identificar em tempo real os principais erros do conteúdo abordado e sanar as dúvidas conforme elas surgirem nas interações.

Plickers

Assim como o Kahoot, o Plickers é uma plataforma gamificada gratuita que permite a criação de um quiz com perguntas e respostas. As respostas são apresentadas em forma de percentual de acertos ou erros.

Avaliação por oralidade

A avaliação pela oralidade se apoia em atividades e situações que permitam que o aluno se expresse pela fala. Essas tarefas podem ser formais ou em forma de bate-papo. A lista de possibilidades inclui debates, apresentações expositivas, resumos orais e expressar a opinião sobre um assunto ou conteúdo.

Avaliação por participação

Atividades diversificadas, que não contemplem só a oralidade ou movimentos, são fundamentais para que o aluno possa ser avaliado em todas as dimensões. Nesse sentido, a recomendação é observar a linguagem e o modo como cada estudante interage com seus pares.

Avaliação no ensino remoto

Da tempestade de ideias (brainstorm) à criação de histórias em quadrinhos e podcasts, muitas são as possibilidades de avaliação no ensino remoto. O ideal é que o instrumento escolhido permita registros e que favoreça a autoria dos alunos.

Veja mais:

Saiba como realizar uma boa avaliação diagnóstica dos alunos

10 livros sobre avaliação escolar

Como avaliar os alunos na disciplina de educação física?

Avaliação de matemática nos primeiros anos do fundamental pode incluir observação de todos os atos da criança

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Notícias

Professor e projeto pedagógico são estratégicos para que tecnologia leve à aprendizagem

Estudo aponta ganhos para aprendizagem dinâmica, participativa e colaborativa

há 5 anos
Notícias

Trabalhar sentidos do corpo ajudam a criança a aprender na educação infantil

Com lei dos 4 anos, escolas precisam se adaptar às necessidades dessa faixa etária

há 6 anos
Notícias

Formação de professores é feita de forma muito distinta no país, diz especialista

Política nacional poderia estabelecer padrões mínimos para qualificar estudos dos futuros docentes

há 8 anos
Notícias

5 livros para entender a medicalização da educação

Obras ajudam a conhecer fenômeno e papel das práticas pedagógicas em seu enfrentamento

há 6 horas

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.