Nath Finanças e Nathaly Dias, do canal Blogueira de Baixa Renda, são duas influencers conhecidas por tratarem de economia com a periferia. Agora, elas se reúnem para apresentar um curso gratuito de educação financeira organizado pelo Serasa e disponível online.

“Trilhas financeiras” conta ainda com as youtubers Patrícia Lages, Mina Borges e Vitor Coff Del Rey, da iniciativa “Ponte para Pretos”.

Atualmente, famílias mais pobres são as mais endividadas do país. Segundo dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em julho de 2020, a inadimplência aumentou entre famílias com renda de até 10 salários mínimos, passando de 28,6% (junho) para 29,7% (julho). Em contrapartida, a parcela da população que ganha mais do que esse valor apresentou um decréscimo no endividamento no mesmo período: 11,3% para 11,2%.

Para participar do curso “Trilhas Financeiras”, os interessados devem se cadastrar previamente no site do Serasa. A formação é dividida em sete módulos, sendo cada um deles com duração média de uma hora e meia. Há material de apoio, certificado ao final de cada fase e conteúdo acessível em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Apresentadores do “Trilhas financeiras”: Gui Casagrande, Nathaly Dias, Mirna Borges, Nath Finanças, Patricia Lages, Vítor Coff Del Rey e Joyce Carla (crédito: reprodução)

Aprendendo sobre finanças

O primeiro módulo do curso foca em orçamento, com destaque para formas de eliminar gastos desnecessários e conquistar renda extra. O segundo trata de serviços bancários: tipos de contas que existem nos bancos, cheques, diferença entre DOC e TED e como funcionam as análises que os bancos fazem, como score de crédito.

Na terceira etapa, os participantes entenderão mais sobre tipos de dívida e estratégias para negociá-las. O quarto módulo tem “renda” como tema, orientando sobre empregabilidade, qualificação profissional e empreendedorismo.

Os três módulos restantes serão lançados nos próximos meses. Eles são voltados para tipos de crédito; prevenção de fraudes; e realização de sonhos.

Veja mais:
Ter um projeto de vida ajuda a colocar sonhos e objetivos em foco
Empreendedores de baixa renda recorrem ao microcrédito para viabilizarem seus negócios
Cartilha online orienta idosos contra fraudes financeiras

Deixe um comentário

Talvez Você Também Goste

Notícias

Número de pessoas vivendo com R$ 406 reais/mês cresce 2 milhões em um ano

Pobreza aumentou no Brasil, aponta relatório que monitora Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

há 1 ano
Notícias

Quase metade da população do mundo está abaixo da linha da pobreza, diz Banco Mundial

Segundo relatório, aproximadamente 3,4 bilhões de pessoas não conseguem suprir necessidades básicas

há 2 anos
Notícias

No Brasil, 40,2% da população que vive em situação de pobreza são crianças

Estudo da Abrinq reúne 20 indicadores sociais sobre a infância e a adolescência no país

há 2 anos
Notícias

Site e cartilha explicam Lei da Importunação Sexual e como denunciar esse crime

Após dois anos de aprovação da legislação, TRF aponta subnotificação de denúncias no país

há 37 minutos

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.