Alunos do Dupla Escola, programa do Instituto Claro que integra o ensino médio formal ao ensino técnico em telecomunicações, foram ao Rio Open 2018, maior torneio de tênis da América do Sul. Os estudantes fizeram um tour para conhecerem a infraestrutura e os dispositivos tecnológicos que são utilizados na transmissão de informações do evento, realizado no Rio de Janeiro (RJ) entre os dias 19 e 25 de fevereiro. Uma forma de ver, na prática, o que eles aprendem durante as aulas.

Foto de um grupo de jovens posando para uma foto em frente a um estande do Instituto Claro durante o Rio Open 2018
Alunos do programa Dupla Escola em visita ao estande do Instituto Claro no Rio Open (crédito: divulgação/Wladya Pacheco)

 

Raíssa Nascimento Batista, aluna do curso, falou sobre a experiência da visita técnica: “O que mais chamou a atenção foi a infraestrutura, a tecnologia, a quantidade de cabos e o suporte na cobertura, que são coisas que a gente não vê diariamente. Foi muito legal”.

Foto de um grupo de jovens participando de uma visita técnica ao Rio Open
Estudantes puderam conhecer a infraestrutura do evento (crédito: divulgação/Wladya Pacheco)

 

“Foi interessante ver, na realidade, o que acontece no nosso laboratório de telecomunicações. Os equipamentos tecnológicos utilizados aqui no evento são muito inovadores”, acrescentou Daniel Oliveira, jovem participante do programa e prestes a se formar no curso técnico.

Mais ação social

O torneio recebeu também 40 adolescentes apoiados pelos projetos sociais Armazém de Ideias e Ações Comunitárias (Aiacom) e Instituto SER+, parceiros do Instituto Claro. Nossa pretensão de levar os jovens ao torneio é o de incentivar à prática esportiva, além de proporcionar uma reflexão sobre o papel do esporte no combate à violência.

Para os beneficiados das duas instituições, assistir a um jogo do Rio Open foi uma grande experiência, da qual muitos nunca haviam participado antes. “Eu gosto muito de esporte porque ele dá mais motivação para a vida”, comentou Paola Cristina dos Santos Barbosa, adolescente de 16 anos que participa do Aiacom.

Foto de diversos jovens posando para uma foto juntos ao letreiro do Rio Open 2018 no jockey clube do Rio de Janeiro
Jovens dos projetos sociais Aiacom e Instituto Ser+ (crédito: divulgação/Wladya Pacheco)
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Notícias

Junto com Unicef, Instituto Claro comemora 30 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança

Brasil avançou em relação à situação da infância e adolescência, mas ainda persegue desafios

há 1 ano
Notícias

Alunos do programa Dupla Escola vencem o “Hackathon Escola Inovadora”

“Fiquei emocionado ao ver meus alunos conquistando o primeiro prêmio do evento”, comenta professor

há 2 anos
Notícias

Instituto Claro leva jovens ao Rio Open 2019

Objetivo é estimular a reflexão sobre a importância da prática esportiva no combate à violência

há 2 anos
Notícias

Programa do Instituto Claro é vencedor regional do 44º Prêmio Aberje

Dupla Escola foi selecionado na categoria Comunicação e Relacionamento com a Sociedade pela região ES/RJ

há 3 anos

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.