O Moodle é um ambiente virtual de aprendizagem criado em 2002 para dar suporte a cursos de educação superior a distância. Na última década, contudo, a ferramenta passou a ser cada vez mais apropriada pela educação básica. Isso se deu pela sua capacidade de ampliar a interação entre alunos e professores – por meio de fóruns e chats – e pela facilidade dos usuários em publicar e acessar materiais educativos de diferentes formatos, como textos e audiovisual.

 “O Moodle permite uma gestão das tarefas cotidianas da escola, articulando atividades virtuais e presenciais”, resume a doutora em Educação e pesquisadora de ambientes virtuais de aprendizagem, Zilda Kessel. “Para os professores, o Moodle tem a vantagem de ser intuitivo. Não é necessária uma formação aprofundada para começar a aplicá-lo em sala de aula”, diz.
A seguir, confira sete formas práticas de utilizar a plataforma em sala de aula.
Calendário interno
Os professores da mesma turma nem sempre se encontram ao longo da semana. Assim, como saber se o prazo daquele trabalho complexo coincidirá, justamente, com a prova de outra disciplina? O calendário compartilhado do Moodle permite que educadores e alunos criem e acompanhem o mesmo cronograma.
Leitura compartilhada
Os alunos podem ter acesso à mesma edição de um livro quando esta é compartilhada via Moodle. A obra, porém, precisa estar domínio público. “Os alunos podem utilizar seus celulares ou tabletes e lerem a publicação em conjunto, em sala de aula”, ensina Zilda.
Criação de glossário
O Moodle possibilita a criação de banco de dados colaborativos. Zilda acompanhou uma experiência em que alunos dos primeiros anos de ensino fundamental criaram um glossário de bichos colaborativamente. “Cada estudante contribuía postando um verbete sobre o animal que estava pesquisando”, relata.
Videoteca
O professor pode selecionar vídeos que estejam disponíveis na web para a sua disciplina e postar os links diretamente. “Isso evita que os alunos se distraiam durante a pesquisa dos vídeos na Internet, ou percam tempo até encontrarem o link correto”, destaca a educadora.
Acompanhamento de trabalhos
Um determinado projeto pode exigir que os alunos tenham tutores fora da comunidade escolar. Por meio do Moodle, é possível que o professor da disciplina acompanhe o andamento dos trabalhos a partir das postagens e das conversas registradas nos fóruns e chats pelos estudantes e demais profissionais.
Aprendizagem personalizada
Alunos da mesma turma podem estar em diferentes níveis nade aprendizagem de um determinado tema.  Nesse caso, a coordenadora do Departamento de Tecnologia Educacional do Colégio Dante Alighieri (São Paulo), Valdenice Minatel, indica que sejam postados materiais e atividades de acordo com as necessidades de cada grupo de alunos.  “O Moodle possibilita que cada grupo siga uma trilha de aprendizagem diferenciada, de acordo com as habilidades a serem trabalhadas”, complementa.
Criação autoral preservada
Infelizmente, muitas escolas e educadores jogam fora os materiais produzidos ao longo do ano letivo quanto este termina. O Moodle ajuda a preservar os processos criativos dos professores e as aulas por eles elaboradas. Assim, livros, vídeos e links utilizados ficam registrados na plataforma. “São materiais que podem ser úteis nos anos seguintes ou que podem ajudar outros colegas”, lembra Valdenice.
Veja mais:
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

9 dicas para melhorar a gestão do tempo do professor no home office

Excesso de atividades e dúvidas de alunos fora do expediente são problemas comuns

Aula remota de educação física: 7 dicas para interagir melhor com os alunos

Criador de blog sobre o tema compartilha experiências bem-sucedidas durante isolamento social

“O homem que calculava”, de Malba Tahan, ensina matemática de forma lúdica

“Mesmo problema pode ser abordado com diferentes profundidades”, explica Fernando Barnabé

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.