O sociólogo e professor da Universidade do ABC (UFABC) Jessé Souza se dedica a olhar para o Brasil e suas classes sociais de maneira crítica. No livro “Brasil dos humilhados: uma denúncia da ideologia elitista”, lançado em 2022, Souza procura entender o pensamento social da elite brasileira, que, para ele, culpa o povo pela sua própria pobreza.

Corrupção

Segundo o escritor, a ideia de que o povo é “inconfiável, corrupto e eleitor de [políticos] corruptos” é uma interpretação sociológica sobre o Brasil, que até agora, tem servido à propagação dos interesses da classe dominante. “Esse é o único dispositivo de poder que a elite e a classe média branca conseguiram, desde 1936, para criar uma forma de impedir qualquer forma de inclusão social,” discorre.

Na entrevista em vídeo, Souza fala sobre conceitos presentes em muitos de seus estudos, como a desigualdade e as classes sociais brasileiras, além de abordar a ideia do combate à corrupção como ferramenta para a criminalização da pobreza.

Veja mais:

O que é aporofobia e como combatê-la? 

O que são políticas públicas? 

 

Atualizado em 08/11/2022, às 10h43

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

O que é renda básica universal?

Boxe e formação cidadã: projeto em São Paulo une esporte e educação política

Teatro na periferia: grupo ocupa espaço abandonado e forma novo público

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.