Leonardo Valle

O canal do YouTube Quebrando o Tabu lançou um vídeo didático no qual Preta Araújo explica o racismo estrutural. O material começa contextualizando o período de escravidão ocorrido no Brasil, país que foi o último do continente americano a abolir a prática, em 1888. Após a libertação, aproximadamente 1,5 milhão de pessoas negras foram inseridas na sociedade brasileira sem suporte, emprego, moradia digna e condições básicas de sobrevivência.

Após mais de 130 anos da abolição da escravidão, a população negra ainda enfrenta dificuldades para ascender socialmente. “Por conta dessa herança histórica vinda de centenas de anos de escravidão é que nasce o que chamamos de racismo estrutural”, explica o vídeo.

O fenômeno também se manifesta na linguagem, por meio do uso de palavras como “denegrir” (tornar negro), com intuito pejorativo, e “mulato”, além de expressões como “pessoas de cor” para se referir à população negra.

Já a origem do racismo é desconhecida, com surgimento provavelmente nos séculos XVI e XVII, em virtude da colonização das Américas pelos europeus. O olhar eurocêntrico comparava indígenas e escravos africanos a animais irracionais.

Veja mais:
Racismo é uma das causas da intolerância religiosa no Brasil
Vídeo aborda direitos humanos e racismo no Brasil
Série online gratuita relata resistência contra o racismo em Curitiba

Atualizado em 26/08/2019.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Notícias

E-book reúne artigos sobre saúde da população negra e a covid-19 no Brasil

Material gratuito também aborda problemas estruturais, como racismo e exclusão social

há 9 meses
Notícias

Mulheres e raça: série de vídeos apresenta vida e obra de Angela Davis

Pensadora reflete sobre o papel de mulheres negras nos movimentos de liberdade e resistência

há 2 anos
Notícias

E-book gratuito debate impactos do racismo na saúde mental

Publicação da Defensoria do Rio de Janeiro dialoga com pensamento do filósofo Frantz Fanon

há 2 anos
Notícias

Racismo na justiça federal é tema de especial de podcasts

Episódios discutem sistema carcerário, quilombolas, ações afirmativas e questão racial no poder Judiciário

há 2 anos

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.