Conteúdos

Este é um roteiro de estudos de biologia que revisa alguns conceitos básicos sobre os platelmintos e os nematelmintos, animais invertebrados com aspecto vermiforme. Você irá estudar suas características morfofisiológicas, como simetria, nutrição, reprodução, modo e ciclo de vida. Também aborda, de forma sucinta, as principais verminoses que ocorrem no Brasil. Tal roteiro é composto por sugestão de vídeos, textos e questões reflexivas, para orientá-lo(a) nos estudos, bem como exercícios comentados, para que você teste seus conhecimentos.

● Platelmintos;
● Nematelmintos; e
● Verminoses.

Objetivos

● Classificar os platelmintos e nematelmintos;
● Conhecer as principais características e as estruturas dos platelmintos e dos nematelmintos;
● Reconhecer as principais verminoses que ocorrem no Brasil;
● Fazer a relação das verminoses com a falta de saneamento básico.

Estude também:

Estudar em casa: poríferos e cnidários

Estudar em casa: protozoários e protozooses

Palavras-chave:

Platelmintos. Nematelmintos. Verminoses.

Proposta de estudo:

O objetivo deste roteiro é auxiliar nos estudos, em casa ou em outro ambiente. Nesse sentido, apresenta um percurso com textos, vídeos e algumas propostas de atividades.
Não é necessário fazer todas as etapas, ler todos os textos, ou assistir a todos os vídeos, mas as questões norteadoras, bem como as subquestões que advêm delas, ajudam na captação do conteúdo inteiro, bem como dos principais conceitos.

Leia os textos propostos buscando as respostas para cada uma das perguntas. Se aparecerem mais dúvidas ao longo da leitura, aproveite para fazer anotações em seu caderno e aprofundar sua pesquisa. Após as leituras de cada um dos textos, escreva um parágrafo resumindo seu aprendizado.

1ª Etapa: Filo Platyhelminthes

Pergunta norteadora:
Quais as características dos platelmintos?

A palavra platelminto significa “verme achatado”, já nos indicando a forma dos animais pertencentes ao Filo Platyhelminthes. Neste filo, encontram-se 18 mil espécies. São seres triblásticos, acelomados, protostômios e com simetria bilateral.

– Para compreender melhor as categorias dos platelmintos, leia o seguinte texto: “Platelmintos”
Acesso em 19 de julho de 2022.

A partir da leitura, responda às perguntas propostas abaixo:
1) Como ocorre a digestão dos platelmintos?
2) Descreva, sucintamente, os processos de circulação, respiração e excreção dos platelmintos.
3) Como é o sistema nervoso e muscular/esquelético dos platelmintos?
4) Diferencie a reprodução sexuada e assexuada dos platelmintos.
5) Como são classificados os platelmintos?

Para saber mais sobre a bipartição realizada pelas planárias, platelmintos de vida livre, assista a este vídeo
Acesso em 19 de julho de 2022.

2ª Etapa: Filo Nematoda

Pergunta norteadora:
Que seres constituem o Filo Nematoda?

Os nematódeos são caracterizados por terem o corpo alongado, cilíndrico e afilado nas pontas. Também conhecidos como vermes, são endoparasitas e podem causar doenças em seus hospedeiros: as verminoses.

– Para conhecer as características dos nematelmintos, leia os seguintes textos:

“Nematelmintos”
Acesso em 19 de julho de 2022.

“Filo Nematoda”
Acesso em 19 de julho de 2022.

Em seguida, responda às seguintes questões:
1) Como ocorre a digestão dos nematelmintos?
2) Descreva, sucintamente, os processos de circulação, respiração e excreção dos nematelmintos.
3) Como é o sistema nervoso dos nematelmintos?
4) Diferencie a reprodução sexuada e assexuada dos nematelmintos.
5) Preencha a tabela abaixo, comparando os nematódeos e os platelmintos:

PRINCIPAIS DIFERENÇAS ENTRE OS PLATELMINTOS E NEMATELMINTOS
Características Platelmintos Nematódeos
Celoma
Forma do corpo
Sistema digestório
Ventosas

3ª Etapa: Verminoses

Perguntas norteadoras:
Você sabe o que é uma verminose?

Entre os platelmintos e os nematelmintos, as espécies mais estudadas são aquelas que possuem interesse médico, por serem parasitas que causam patologias endêmicas em algumas regiões do Brasil.

– Para conhecer as principais verminoses que ocorrem em nosso país, leia o seguinte texto:

“Verminoses”
Acesso em 19 de julho de 2022.

Em seguida, responda às seguintes questões:
1) O que são verminoses?
2) Qual a relação das verminoses com o saneamento básico?
3) Sobre as principais verminoses abordadas no texto, preencha a tabela abaixo:

VERMINOSE AGENTE ETIOLÓGICO MODO DE TRANSMISSÃO SINTOMAS TRATAMENTO PROFILAXIA
Ancilostomose
Ascaridíase
Esquistossomose
Filariose
Giardíase
Oxiurose
Teníase e cisticercose

4ª Etapa: Cheque seus conhecimentos

1. “Três gerações de catadores de lixo. Mais de 700 crianças são exploradas em lixões e UNICEF lança programa de recuperação.”

A reportagem cita algumas doenças que afligem as pessoas que trabalham e vivem em lixões. Sobre essas doenças foram feitas três afirmativas:

I. Todas essas doenças são causadas por animais.
II. Se as crianças andassem calçadas e tivessem bons hábitos de higiene poderiam trabalharmos lixões sem o perigo de adquirir qualquer uma das doenças citadas.
III. No quadro foram citadas doenças de contágio direto e indireto.
IV. Na reportagem não foi citada nenhuma doença causada por protozoário.

Estão corretas somente as afirmativas:
a) I e II;
b) II e III;
c) III e IV;
d) I e III;
e) II e IV.

GABARITO: C.

2. A figura abaixo ilustra o ciclo reprodutivo do parasita Schistosoma mansoni.

Sobre esse ciclo, julgue as proposições, usando V (verdadeiro) ou F (falso):
( ) O caramujo é o hospedeiro definitivo do parasita, uma vez que aloja a fase sexuada deste.
( ) Os miracídios produzem milhares de larvas denominadas cercárias.
( ) O combate à esquistossomose se baseia no extermínio dos moluscos e na orientação às pessoas para não ingerirem verduras cruas.
( ) O gênero do caramujo hospedeiro de Schistosoma mansoni é Biomphalaria.

GABARITO: F-V-F-V.

3. O grupo constata que, na área desmatada, há uma grande quantidade de lixo despejado por moradores das proximidades, o que certamente contribui para aumentar o número de casos de ascaridíase. Esse aumento acontece porque:
a) os vermes presentes no lixo podem ser levados pela poeira e contaminar os alimentos;
b) as larvas do helminto causador dessa doença podem contaminar a água potável e, a partir daí, infectar o homem;
c) os ovos depositados no lixo originam larvas que penetram na pele de pessoas que andem descalças por essa área;
d) os ovos do verme podem ser veiculados por insetos que têm como criadouros o próprio lixo.

GABARITO: D.

4. As águas do Sapucaí deixaram o seu leito natural e inundaram de modo cruel as cidades de Itajubá, Piranguinho e Santa Rita do Sapucaí. Inundações também castigaram a Venezuela e cidades do Centro Oeste brasileiro. O mundo acabará mesmo no ano 2000 e em um grande dilúvio? Muitas doenças podem ocorrer durante ou após o desaparecimento das inundações.

As seguintes doenças são habitualmente transmitidas por água contaminada, exceto:
a) Hepatite por vírus
b) Disenteria
c) Cólera
d) Febre tifoide
e) Dengue

GABARITO: E.

5. Abaixo estão citadas 4 medidas profiláticas para evitar 4 doenças muito comuns no nosso país, especialmente em áreas rurais e mais carentes.

Medida 1: Adicionar cloro à água de preparo de alimentos, deixar frutos e verduras imersos em água com vinagre antes de ingeri-los.

Medida 2: Combater o inseto “barbeiro”, evitar moradias de “pau a pique” ou com condições de abrigar o barbeiro em frestas e rachaduras;

Medida 3: Combate ao caramujo Biomphalaria, não defecação no chão (ou em córregos e rios) e sim o uso de fossas sanitárias;

Medida 4: Não ingerir carne de boi ou porco mal cozida, melhorar as condições de higiene com a construção de fossas, evitando defecar no chão.

Correlacione as medidas profiláticas com as doenças para as quais são indicadas:

( ) Mal de Chagas (doença de Chagas)
( ) esquistossomose
( ) teníase
( ) cólera

A ordem correta das correlações é:
a) 2, 3, 4 e 1
b) 2, 1, 4 e 3
c) 1, 3, 2 e 4
d) 4, 3, 2 e 1

GABARITO: A.

6. A figura abaixo representa o ciclo de vida de um parasito, responsável por uma doença que no mundo atinge 120 milhões de pessoas.

No Brasil, de acordo com estudos desenvolvidos pelo Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães, cerca de 100 mil pessoas, na área metropolitana do Recife, são provavelmente portadoras dessa doença. Adap. [online]. Disponível: www.globo.com/noticias/saude/20000403/4j2krp.htm [capturado em 15/10/2000].

a) Como é conhecida a doença causada por esse parasito?
b) Quais os efeitos causados por esse parasito no corpo humano?

GABARITO:
a) Filariose ou Elefantíase.
b) Acúmulo de líquido intersticial por obstrução dos capilares linfáticos, principalmente nas pernas, mamas e bolsa escrotal.

7. Julgue as alternativas.
( ) Couve, espinafre, cenoura, ervilha, tomate, fígado, ovos e leite são fontes de vitaminaK, que é anti-hemorrágica por atuar na coagulação sanguínea, favorecendo a síntese de protrombina.
( ) A esquistossomose é uma doença em que o processo de contaminação ou contágio é do tipo específico.
( ) No ciclo evolutivo da Taenia solium, o homem fará o papel de hospedeiro intermediário, quando comer carne de porco com larvas da Taenia.
( ) A ancilostomose é uma das principais verminoses mais presentes na região Nordeste; a transmissão da doença não requer hospedeiro intermediário.
( ) Malária, febre amarela, doença de Chagas, amebíase são doenças causadas por protozoários.

GABARITO: V-V-F-V-F.

8. Numa campanha de prevenção iniciada na cidade existe uma grande preocupação em controlar focos de mosquitos vetores, informar sobre a necessidade de higiene no preparo de alimentos, assim como evitar defecar em locais impróprios, orientando para que os moradores que não apresentem instalações sanitárias em suas casas, construam fossas sépticas. Essas medidas sublinhadas seriam, respectivamente, eficazes na prevenção de:

a) cólera, amarelão e esquistossomose;
b) malária, teníase e elefantíase;
c) leishmaniose, ascaridíase e amarelão;
d) doença de Chagas, cisticercose e lombriga;
e) malária, esquistossomose e leishmaniose.

GABARITO: C.

9. Assinale o que for correto.

01. O homem pode ingerir ovos de tênia (pertencente à classe Cestoda do filo Platyhelminthes) e desenvolver a cisticercose em músculos ou em órgãos vitais, inclusive no cérebro.

02. O Ancylostoma duodenale e o Necator americanus são os vermes causadores do amarelão, cuja fase infectante é um miracídeo.

04. A doença conhecida como úlcera de Bauru ou leishmaniose tegumentar americana é causada pelo protozoário Leishmania brasiliensis e é transmitida ao homem através da picada de mosquitos do gênero Phlebotomus.

08. A Entamoeba histolytica e o Plasmodium vivax são os protozoários causadores da doença do sono e da disenteria amebiana.

16. O Sarcoptes scabiei é uma espécie pertencente à ordem Diptera da Classe Insecta e é o parasita causador de elefantíase.

32. A dengue e a febre amarela são doenças provocadas por protozoários da classe Sporozoa.

64. São Arthropoda parasitas o bicho-de-pé (classe Insecta, ordem Siphonaptera), o berne (classe Insecta, ordem Diptera), e os carrapatos (classe Arachnida, ordem Acarina).

Dê como resposta a soma das alternativas corretas.

GABARITO: 1 + 4 + 64 = 69.

10. Com relação aos parasitas e às doenças que causam, pode-se afirmar que:

I. A larva cercária, de Schistosoma mansoni, penetra no homem pela pele, causando-lhe a esquistossomose.
II. A teníase é uma doença causada pela Taenia solium ou pela Taenia saginata.
III. A cisticercose é uma doença causada pela larva da Taenia solium.
IV. A lombriga ou ascaridíase é uma doença causada pelo Ascaris lumbricoides.
V. A opilação ou amarelão é uma doença causada pelo Necator americanus ou pelo Ancylostoma duodenale.
VI. A filariose, que pode originar a elefantíase, é causada pela Wuchereria bancrofti.

Estão corretas:
a) todas;
b) apenas I, II, III, IV e V;
c) apenas I, II, IV, V e VI;
d) apenas II, III, IV e VI

GABARITO: A.

Disponível em: Projeto Medicina. Acesso em: 19 de julho de 2022.

Roteiro de estudos elaborado pela Professora Drª. Nathalie Lousan.
Revisão textual: Professora Daniela Leite Nunes.
Coordenação Pedagógica: Professora Drª. Aline Bitencourt Monge.

Talvez Você Também Goste

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.