O ensino de ciências no ambiente escolar muitas vezes ocorre a partir da observação de um determinado fenômeno. Porém, mais importante que saber descrever um evento, é entender os processos existentes por trás dele, avalia a especialista no ensino de ciências Luciana Hubner.

“Precisamos sair do lugar de pensar a partir dos conteúdos, mas pensar a partir das competências e habilidades de ciências que vamos desenvolver”, diz ela. Para isso, o trabalho com o letramento científico deve estimular a criação de uma cultura cientifica, em que os estudantes entendem os conceitos por meio de procedimentos de ensino e atividade práticas, criando capacidade para analisar fenômenos e interpretá-los.

Na entrevista, Luciana descreve como o letramento científico pode ser introduzido desde o ensino infantil, aponta atividades que podem ser realizadas e ressalta a importância das ciências no dia a dia.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Cozinha experimental na escola: atividade constrói conhecimento multidisciplinar

Yoga na escola: prática ajuda a reduzir ansiedade e estresse de alunos

Como a escola pode auxiliar na transição da educação infantil para o ensino fundamental?

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.