O NET Educação foi até uma escola em Barueri, na grande São Paulo (SP), para conhecer um projeto educacional que une a produção de vídeos para o YouTube com os conteúdos ensinados em sala de aula.

A iniciativa existe desde 2014 e nasceu do pedido dos alunos. Segundo o gestor da escola, Ricardo Mesquita Chioccarello, os estudantes são incentivados a pesquisar, fazer roteiro, trabalhar em grupo e disponibilizar conteúdo de qualidade.

Ainda destaca que trazendo a realidade dos alunos para a sala de aula o interesse aumenta, além de fomentar o protagonismo, já que os alunos produzem os próprios vídeos. “É preciso enxergar [o YouTube] sob o olhar do adolescente e sem paradigmas e preconceitos”, finaliza.

Assista outros programas do NET Educação:
YouTube: como realizar produções de vídeo em sala de aula?
Mapa conceitual: aprenda a usá-lo em sala de aula para dinamizar o ensino
Alunos trabalham com novas tecnologias da comunicação em projeto
Imprensa Jovem utiliza jornalismo como ferramenta para reforço escolar
NET Educação recebe prêmio no 15º Marketing Best Sustentabilidade
Creche pública em São Paulo tem yoga e shantala na atividade

Deixe um comentário

Please Login to comment

Talvez Você Também Goste

Como levar conceitos da geopolítica para os alunos do ensino médio?

Lei que prevê psicólogos na escola pode sobrecarregar a instituição, avalia pesquisador

Para melhorar a convivência escolar, professores têm formação em Sumaré

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.