As inscrições para o Prêmio Instituto Claro – Novas Formas de Aprender foram encerradas no dia 11 de setembro com 1.365 trabalhos distribuídos entre as categorias Pesquisa, Desenvolvimento e Vivência.

Todo os estados do Brasil estão representados, o que é motivo de comemoração para o Instituto Claro, que tem como objetivo incentivar o uso das novas tecnologias nos ambientes de ensino e aprendizagem. O mais participativo dentre todos os estados foi São Paulo, com 309 trabalhos. Em relação às modalidades, Desenvolvimento liderou as inscrições, com um total de 549.

Os autores dos 26 trabalhos finalistas receberão comunicado por e-mail, em outubro. Serão 6 na modalidade Pesquisa, 15 em Desenvolvimento e 5 em Vivência. A comissão técnica responsável por avaliar as iniciativas é composta por especialistas em educação e tecnologia. Os vencedores serão conhecidos no final de outubro, em São Paulo, em evento com data a ser definida. Fique atento. Se você se inscreveu, poderá, em breve, ter uma boa notícia!

Confira abaixo os públicos-alvos, requisitos e descrição de cada modalidade

Pesquisa – A modalidade pretende estimular estudantes a desenvolverem pesquisas científicas que explorem a temática da causa do Instituto Claro: aprendizagem com as novas tecnologias. Subdivide-se em duas categorias: Graduação e Curso Técnico, que inclui trabalhos de iniciação científica e de conclusão de curso; e Pós-Graduação (Lato Sensu e Strictu Sensu), que inclui trabalhos de especialização, mestrado e doutorado.

Os inscritos nessa categoria devem estar regularmente matriculado e com o projeto ou trabalho de pesquisa a iniciar ou em andamento, tendo de 6 a 12 meses para terminá-lo a partir da data de premiação. Cada categoria terá uma pesquisa premiada. O trabalho vencedor de Graduação e Curso Técnico receberá R$ 5 mil e o de Pós-Graduação levará R$ 16 mil para financiar o desenvolvimento de parte ou totalidade do projeto.

Desenvolvimento – Esta modalidade foi criada para incentivar instituições educativas – formais e não-formais -, desde escolas e universidades a ONGs e outras associações e organizações, a implementar, manter ou complementar projetos e ideias inovadoras relacionadas à causa do Instituto Claro. O requisito para os inscritos na modalidade é que o projeto esteja para ser iniciado ou em andamento, e que seja finalizado de 6 a 12 meses após a data de premiação. O número de premiados da modalidade Desenvolvimento não é pré-definido e será determinado pela comissão técnica. O valor total que será distribuído entre os vencedores é de R$ 80 mil.

Vivência – O objetivo da modalidade é reconhecer os melhores relatos de práticas educacionais implementadas por educadores e professores a favor da causa do Instituto. As práticas devem estar em andamento por no mínimo 6 (seis) meses ou concluídas no momento em que o educador for efetuar sua inscrição e não podem ser anteriores a janeiro de 2006. A participação nesta modalidade pode ser individual ou em equipe. Duas práticas serão premiadas com um notebook.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Como ensinar ginástica na educação física escolar?

Professoras indicam 8 possibilidades para desenvolver com alunos do ensino fundamental

11 formas de acolher o aluno com síndrome de Tourette

Ambiente inclusivo evita que estudantes sofram com bullying e dificuldades de aprendizagem

16 jogos de mão para apresentar às crianças na escola

Educadora indica brincadeiras para trabalhar rimas e musicalidade com os alunos

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.