O conceito de aprendizagem significativa foi proposto pelo pesquisador estadunidense David Paul Ausubel. Para ele, aquilo que o aluno já sabe deve ser levado em conta na hora de ensinar novos conteúdos. O NET Educação destacou sete atitudes essenciais para os professores ajudarem seus alunos a aprenderem de forma significativa.

1 – Comece a aula contextualizando o novo conteúdo 
O cérebro aprende melhor do todo para as partes, ou seja, é preciso que os alunos entendam primeiro a ideia geral. “Por exemplo, converse sobre os rios que os alunos conhecem e suas experiências antes de falar sobre nascente, afluente e foz”, explica o psicopedagogo e doutor em Ciências da Educação pela Universidade de Havana, Júlio Furtado.
 
2 – Converse sobre as experiências dos alunos
Conversar sobre as experiências dos alunos relacionadas ao assunto novo ajuda-os a formar sentido sobre o tema. “Formar sentido quer dizer relacionar o novo com alguma coisa que já sabemos, que já faz parte da nossa experiência”, destaca Furtado. 
 
3 – Conheça o sentido que o aluno construiu
Investigue os sentidos que os alunos formaram sobre o assunto para ajudá-los no próximo passo, que é transformar sentido em significado. “Significado é o conceito socialmente aceito e cientificamente comprovado”, diferencia Júlio. “Podemos fazer isso individualmente, deixando cada aluno se expressar ou de forma coletiva, por meio de uma atividade escrita, ou um desenho que represente o que eles entenderam até ali”, ensina. 
 
4 – Apresente o conceito na prática
Algumas crianças e adolescentes somente compreendem o significado diante da aplicação do conceito na prática. Segundo Furtado, “pode ser que até que manuseiem ou assistam a ação de um ímã de verdade, alguns alunos tenham construído o sentido de campo magnético como um campo de futebol que prende seus jogadores ao solo, por exemplo”. 
 
5 – Diversifique os exemplos
 Apresente, no mínimo, três situações diferentes. "O cérebro precisa de parâmetros de comparação para ratificar um conceito”, orienta.
 
6 – Peça que os alunos expressem o conceito com suas próprias palavras
Ao fazer isso, os alunos serão obrigados a “traduzir” o conceito segundo suas diferentes percepções, usando sua linguagem e repertório. A ação força o aluno a construir uma representação própria, o que ajuda a entender o significado.
 
7 – Proponha atividades próximas da realidade. 
Apresente aos alunos desafios próximos da sua realidade, de forma que eles possam aplicar o conceito aprendido na resolução de um problema real. 
 
Veja mais
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Dia dos professores: docentes da educação básica inspiram alunos a seguirem na profissão

Educadores relembram mestres que motivaram escolha por lecionar na rede pública

Geometria ajuda a desmentir terraplanismo nos anos finais do ensino fundamental

Em projeto internacional, escolas de todo o mundo se unem para calcular diâmetro da Terra

Tirinhas do Recruta Zero ilustram Guerra da Coreia e Guerra Fria nas aulas de história

Material também pode ser usado em geografia, sociologia e língua portuguesa

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.