Conteúdos

– O Plano Real
– O processo de implementação do Plano Real em suas três etapas: Programa de Ação Imediata (PAI); criação da URV para preservar o poder de compra da massa salarial e Lançamento do padrão monetário de nome Real
– As principais medidas adotadas pelo Plano Real: desindexação da economia; equilíbrio fiscal; abertura econômica; contingenciamento cambial; privatizações de setores siderúrgicos, petroquímico, de fertilizantes e de comunicações; políticas monetárias restritivas

Objetivos

– Conhecer o que foi o Plano Real
– Compreender o processo de implementação do Plano Real em suas três etapas: Programa de Ação Imediata (PAI), Criação da Unidade Real de Valor (URV) e Lançamento do padrão monetário de nome Real
– Entender as principais medidas adotadas pelo Plano Real

Previsão para aplicação:
5 aulas (40 min./aula)

Sugestão para aplicação EaD:

1) Jitsi Meet: é um sistema de código aberto e gratuito, com o objetivo de permitir a criação e implementação de soluções seguras para videoconferências via internet com áudio, discagem, gravação e transmissão simultânea. Possui capacidade para até 200 pessoas, não há necessidade de criar uma conta, você pode acessar através do seu navegador ou fazer o download do aplicativo disponível para Android e iOS. Trabalhando com essa ferramenta, é possível:
– Compartilhar sua área de trabalho, apresentações e arquivos;
– Convidar usuários para a videoconferência por meio de um URL simples e personalizado;
– Editar documentos simultaneamente usando Etherpad (editor de texto on-line de código aberto);
– Trocar mensagens através do bate-papo integrado;
– Visualizar automaticamente o orador ativo ou escolher manualmente o participante que deseja ver na tela;
– Reproduzir um vídeo do YouTube para todos os participantes.

2) Gravação de vídeo aula usando o Power Point: o PPT, já tão utilizado pelos(as) professores(as), também permite a gravação de uma narração para os slides, que tanto auxiliam na explanação dos conteúdos. Se quiser habilitar a função de vídeo enquanto grava, os alunos verão o(a) professor(a) em uma janelinha no canto direito da apresentação. O legal dessa ferramenta é que ela é bem simples e eficaz. Consulte o guia.

3) Envio de podcast aos alunos: talvez esse nome ainda seja novidade para você, mas Podcast nada mais é do que um áudio gravado. Podem ser utilizados para narrar uma história, para correção de atividades, revisar ou aprofundar os conteúdos. Para tanto, sugiro o app Anchor, que pode ser baixado em seu celular, fácil e simples de utilizar.

4) Plataforma Google Classroom: o Classroom permite que você crie uma sala de aula virtual. Esta ação irá gerar um link que será compartilhado com os alunos, para que acessem à sala de aula virtual. Neste ambiente, o(a) professor(a) poderá criar postagens de avisos, textos, slides de PPT, conteúdos, links de vídeos, roteiros de estudos, atividades etc. É uma forma bem simples e eficaz de manter a comunicação com os alunos e postar as aulas gravadas. Uma dica é conferir outros recursos oferecidos pelo Google, como a construção de formulários (google forms) para serem realizadas pelos alunos.

Além dessas ferramentas, sugiro aulas com 30 minutos de duração, uma vez que aulas online acabam rendendo mais do que as presenciais. Além disso, nem toda aula precisa resultar em uma atividade avaliativa, para não sobrecarregar o aluno. As aulas virtuais também podem ser úteis para correção de exercícios e plantões de dúvidas.

1ª Etapa: Contexto histórico

O que foi o Plano Real?

O Plano Real foi um programa brasileiro que tinha como finalidade a estabilização econômica e a viabilização de uma reforma. O Plano foi iniciado oficialmente no dia 27 de fevereiro de 1994, com a publicação da Medida Provisória número 434, que instituiu a Unidade Real de Valor (URV). Oficialmente, o Real tornou-se a 10ª moeda brasileira no dia 1º de julho de 1994.

O governo de Itamar Franco assumiu a presidência num momento extremamente crítico, em que o país vivia com a inflação extremamente alta. Em 1993, a inflação chegou ao máximo registrado em nossa história: superior a 2.000% em 12 meses. Foi através do Plano Real que o governo de Itamar Franco viu a possibilidade de estabilizar a economia brasileira.

O programa lançado pelo governo tinha como principal objetivo controlar a hiperinflação, e assim o fez, conseguindo reduzi-la a 46,58% ao mês, em junho de 1994. O Plano Real foi a idealização do projeto e a execução das reformas econômicas e monetárias, que tiveram contribuições de vários economistas, reunidos por Fernando Henrique Cardoso, até então Ministro da Fazenda, e depois, Presidente do Brasil (1995).

O Plano Real conseguiu estabilizar a economia do país e se tornou o plano econômico mais eficaz da história. Entre as diversas conquistas do Plano Real, estão: redução da inflação a níveis de países desenvolvidos, ampliação do poder de compra da população e remodelação dos setores econômicos nacionais.

Texto baseado nas sugestões de leitura elencadas em Materiais Relacionados.

O conteúdo presente neste texto pode ser trabalhado através de aulas expositivas gravadas (Power point) ou ao vivo (Jitsi Meet), para uma maior interação com os alunos. Caso o(a) professor(a) tenha alguma cédula ou moeda brasileira anterior ao plano real, mostrá-la aos alunos será uma excelente forma de iniciar a aula. Pergunte se sabem que moeda é, se acham que essa moeda era melhor ou pior que o plano real.

2ª Etapa: As três fases do Plano Real

1 – Programa de Ação Imediata (PAI): foi um conjunto de medidas econômicas elaboradas pelo governo de Itamar Franco, em julho de 1993, com o objetivo de preparar o país para o lançamento do Plano Real. O programa continha uma série de medidas econômicas que visavam equilibrar as contas públicas, através do aumento das receitas e diminuição das despesas do país, que ficou conhecido como arrocho orçamentário. Para que esse equilíbrio fosse alcançado, o Programa de Ação Imediata destacou as seguintes diretrizes:
– Corte de gastos públicos: foram cortados cerca de 6 bilhões de dólares no orçamento de 1993, em todos os ministérios;
– Recuperação da Receita: contendo a evasão fiscal, inclusive das grandes empresas;
– Corte de repasses institucionais: forçando os Estados e Municípios a equilibrarem seus gastos através de cortes;
– Ajustes nos Bancos Estaduais: buscando cortar os gastos e punir as irregularidades com a Lei do Colarinho Branco, contando com o auxílio e intervenção do Banco Central;
– Redefinição das funções dos Bancos Federais: que objetivou enxugar a estrutura, e punir irregularidades;
– Privatizações: o governo entendia que as empresas públicas estavam reféns de interesses corporativos, políticos e econômicos.

2 – Criação da URV para preservar o poder de compra da massa salarial: a segunda etapa do Plano consistiu na criação da Unidade Real de Valor (URV), em 27 de maio de 1994. O Cruzeiro Real (moeda de circulação da época) foi vinculado à URV, que era uma moeda virtual atrelada à cotação do dólar comercial no dia anterior, e foi responsável por converter os salários e benefícios previdenciários, promovendo a neutralidade distributiva. Essa etapa pode ser considerada a parte fundamental do Plano Real, e teve início em março de 1994. Através dessa estratégia, o Cruzeiro Real passou a sofrer uma desvalorização diária, que era igual a taxa de inflação que lhe era atribuída no dia, assim, como essa estratégia zerou-se o índice inflacionário, se manteve o poder de compra da população.

3 – Lançamento do padrão monetário de nome Real: a terceira e última etapa do Plano tinha como base as políticas cambial e monetária, em que a política monetária serviu de instrumento de controle dos meios de pagamentos, enquanto a política cambial regulava as relações comerciais do Brasil com o Mundo. No dia 30 de junho de 1994 ocorreu a edição da Medida Provisória, que lançou a nova moeda, o Real, e iniciou sua circulação no Brasil em 01 de julho de 1994, todos tiveram que converter o Cruzeiro Real (CR$) para Real (R$), com isso, R$1 seria equivalente a CR$ 2.750. O Plano Real garantiu a vitória de Fernando Henrique Cardoso nas eleições para a Presidência em 1994, e sua reeleição.

Anverso: Efígie simbólica da República, interpretada sob a forma de escultura.

Reverso: Gravura de um Beija-Flor (Amazilia lactea). O Beija-Flor é típico do continente americano e há mais de cem espécies no Brasil.

Fonte: Cédulas do Real. Acesso em: 24 de junho de 2020.

As principais medidas do Plano Real

1 – Desindexação da economia: os preços passaram a ser reajustados anualmente, de acordo com as planilhas de custos de produção, isso contribuiu para quebrar o ciclo que se tinha de corrigir valores em curtos períodos.

2 – Equilíbrio fiscal: o governo realizou diversos cortes nas despesas e aumentou em cinco pontos percentuais todos os impostos federais. Essa postura foi tomada porque a máquina administrativa brasileira consumia muito dinheiro e contribuía para desestabilizar as contas do país.

3 – Abertura econômica: visando o mercado internacional, o Brasil reduziu gradualmente suas tarifas de importação. Com a abertura econômica, o governo visava um maior desenvolvimento da indústria nacional, que resultaria no aumento da produção, e com uma maior oferta de produtos conseguiria limitar as pressões inflacionárias existentes.

4 – Contingenciamento cambial, com a manutenção do câmbio e controle do Banco Central: o câmbio foi mantido artificialmente valorizado. Esperava-se que isso causaria um aumento das importações e, consequentemente, o aperfeiçoamento da indústria nacional devido à concorrência com produtos importados.

5 – Privatizações de setores siderúrgicos, petroquímico, de fertilizantes e de comunicações: retirou a obrigação do governo de administrar e investir dinheiro em diversas empresas que foram privatizadas. A iniciativa privada passou a financiar os investimentos dessas empresas, o que não contribuiu para o aumento da inflação, e sim para o desenvolvimento do país, pois os investimentos não contavam com orçamento governamental.

6 – Políticas monetárias restritivas: o governo iniciou uma estratégia de elevação gradual da taxa básica de juros, que tinha dois propósitos, o de financiar os gastos públicos excedentes, e de reduzir a pressão por financiamentos, que eram considerados agentes inflacionários. Essa estratégia também serviu como parte das medidas adotadas para conter a inflação no período.

Os resultados do Plano Real

O Plano Real pode ser destacado como o mais importante que o Brasil implementou no controle da inflação. Inquestionavelmente, ele atingiu seus objetivos a longo prazo, que eram: manter baixas taxas inflacionárias; aumentar o poder aquisitivo da população, contribuindo para o aumento do poder de consumo; modernizar a indústria nacional.

Abaixo, podemos observar um gráfico sobre a Inflação Acumulada entre 1991-2000.

Observando o gráfico acima, é nítida a redução da inflação ocorrida após o ano de 1994, quando o Plano foi lançado. Entretanto, em 1999, com o aumento novamente da inflação, o Banco Central elaborou metas para que isso fosse contido, não permitindo que ultrapassasse o teto estipulado.

Textos baseados nas sugestões de leitura elencadas em Materiais Relacionados.

Tais conteúdos também podem ser apresentados de forma expositiva, previamente gravada (uso do recurso de gravação do Power Point) ou ao vivo (através da plataforma Jitsi Meet).

3ª Etapa: Sistematização das reflexões

Sugestão de atividade: pesquisa sobre as moedas brasileiras e apresentação de seminário online.

1) O(A) professor(a) deverá dividir a sala em 8 grupos e distribuir os respectivos temas:

Grupo 1: Cruzeiro – Início em 01/11/1942.
Grupo 2: Cruzeiro Novo – Início em 13/02/1967.
Grupo 3: Cruzeiro – Início em 15/05/1970.
Grupo 4: Cruzado – Início em 28/02/1986.
Grupo 5: Cruzado Novo – Início em 16/01/1989.
Grupo 6: Cruzeiro – Início em 16/03/1990.
Grupo 7: Cruzeiro Real – Início em 01/08/1993.
Grupo 8: Real – Início em 01/07/1994.

Para essa divisão, sugiro o recurso de subgrupos (disponibilizado pela plataforma Jitsi Meet), que organiza os alunos de forma aleatória, criando “mini salas virtuais” dentro da sala já criada pelo (a) professor(a). Dessa maneira, é possível transitar entre os pequenos grupos, orientar e acompanhar o desempenho de cada aluno e equipe de trabalho.

2) O(A) professor(a) deverá solicitar que os grupos realizem uma pesquisa na Internet, ou em outros meios de informação, sobre seus temas.

3) Os alunos deverão fazer uma apresentação em forma de seminário online, explicando a evolução da moeda brasileira, ou seja, cada grupo apresentará sua etapa no processo, que quando somados aos demais, terão relatado uma breve história do nosso dinheiro, desde os tempos do Império até os dias atuais. Para a apresentação, os alunos podem ligar a câmera e o microfone, bem como compartilhar uma apresentação de slides (PowerPoint) feita por eles, que deverá abordar ao menos uma imagem do papel-moeda tema do grupo. Reserve ao menos uma aula para a realização da pesquisa e produção de material, e outra para apresentação, debate e fechamento.

Indicação de site para consulta dos alunos: A evolução da moeda brasileira (disponível nas sugestões de materiais).

4ª Etapa: Exercícios de fixação do conteúdo

Para melhor fixação dos conteúdos desenvolvidos nas aulas, sugiro que o(a) professor(a) aplique as questões abaixo, relacionadas ao tema desenvolvido. As questões podem ser construídas através do Google Forms e enviadas aos alunos na aba “Atividades” da plataforma Google Classroom, como tarefa de casa. Lembrando que, se cadastradas previamente as respostas no formulário, o google forms oferece a correção das atividades e o desempenho dos alunos através de gráficos. As questões deverão ser corrigidas de forma coletiva em uma aula virtual ao vivo (Jitsi Meet), com o objetivo de verificar a aprendizagem dos alunos e encerrar a sequência didática.

1) (FATEC) – O Plano Real entrou em vigência em fins de 1993, durante o governo de Itamar Franco. Sobre esse plano é correto afirmar que:
a) reduziu a inflação, desenvolveu a indústria nacional e trouxe a estabilização política.
b) reduziu a inflação, desenvolveu a indústria nacional e ajudou a diminuir o desemprego.
c) reduziu a inflação, mas as medidas de ajuste adotadas provocaram recessão econômica, quebras de bancos e de empresas, assim como um surto de demissões e desemprego.
d) reduziu a inflação, trouxe a estabilidade econômica, desenvolveu a indústria nacional, resolvendo muitos problemas sociais, com o aumento do poder aquisitivo da população.
e) reduziu a inflação, estabilizou o setor produtivo nacional, ajudou a diminuir a desigualdade social existente no campo e na cidade, enfraquecendo as organizações de oposição como o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra.

Resposta: C
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

2) (UFPE) – No âmbito da economia nacional, o Plano Real:
a) foi criado e executado durante o primeiro governo de Fernando Henrique Cardoso, com amplo apoio da população.
b) beneficiou os trabalhadores assalariados, que, pela primeira vez na história do Brasil, tiveram seu poder de compra valorizado.
c) além de ter uma expressiva aceitação popular, contribuiu para a estabilidade política do governo de Fernando Henrique Cardoso.
d) foi uma criação de Delfim Neto, quando era ministro de Itamar Franco, o que lhe garantiu a eleição como deputado federal.
e) não guarda relações com o neoliberalismo, pois tem como princípio a intervenção do Estado na gestão da economia.

Resposta: C
Fonte: Questões sobre o Plano Real.. Acesso em: 25 fev. 2020.

3) (FATEC SP/2001) No governo do Presidente Itamar Franco (em junho de 1994) foi lançado, pelo seu ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso, o plano econômico conhecido como Plano Real. Esse plano equiparou a moeda brasileira ao dólar,
a) Reduziu a taxa de juros e anunciou a contenção do déficit público com uma política de demissões dos funcionários públicos que possuíssem altos salários.
b) Elevou as taxas de juros e anunciou a redução do déficit público, devido aos empréstimos do FMI, combinado com a contratação de centenas de novos fiscais para impedir a importação de produtos supérfluos no mercado brasileiro.
c) Diminuiu as taxas de juros, proporcionando ao pequeno e médio empresário brasileiro a possibilidade de competir com os produtos trazidos pelas empresas multinacionais.
d) Elevou a taxa de juros e anunciou a redução do déficit público, devido à privatização das empresas estatais.
e) Diminuiu as taxas de juros, facilitou o crédito para as micro e médias empresas, diminuiu os impostos sobre a produção de bens nacionais, para incentivar o aumento da produção, e controlou o déficit público com uma agressiva política de nacionalizações de empresas estrangeiras.

Resposta: D
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

4) (ACAFE SC/2002) O Plano Real (1994) foi o nome dado ao projeto de estabilização monetária que marcou o final da gestão de Itamar Franco. Ele assumiu a Presidência da República em 1992, após o afastamento de Fernando Collor de Melo. Sobre os governos de Collor e Itamar e o referido plano, assinale a alternativa incorreta.
a) Sem medidas impopulares como o confisco das poupanças feito por Collor, o Plano estabilizou a inflação, mas acentuou o desemprego, segundo os críticos.
b) Collor cultivou uma imagem de juventude, ética e modernidade, o que contrastou com as acusações de corrupção que recebeu, inclusive do próprio irmão.
c) Itamar Franco, apesar do cenário inicial desfavorável, conseguiu concluir seu governo com a inflação em franca diminuição, um reflexo do Plano Real.
d) Fernando Henrique Cardoso foi o Ministro da Fazenda do governo Itamar Franco e um dos idealizadores do Plano Real.
e) Collor foi identificado como “caçador de marajás” pela sua ética irreprovável, afastando do poder seus auxiliares Paulo César Farias – PC, Antônio Rogério Magri e sua esposa Rosane Collor, acusados de irregularidades.

Resposta: E
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

5) (Mackenzie SP/2005) Em junho de 1994, o então ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso, anunciou à nação um amplo programa de estabilização da economia. Entre as principais características do Plano Real, estão corretas:
a) O confisco, por 18 meses, de recursos depositados em contas bancárias e em cadernetas de poupança e o congelamento de preços e salários.
b) A reforma monetária, com equiparação do valor da moeda nacional ao dólar, a elevação da taxa de juros, a redução do déficit público e a privatização de estatais.
c) A suspensão do pagamento da dívida externa, a contenção dos gastos públicos e limitações aos reajustes de preços e de salários, gerando inflação zero.
d) O controle da inflação por meio do congelamento de preços, a reforma monetária com aumento real de salários e a abertura do mercado interno a investidores estrangeiros.
e) A exclusão econômica e social da maior parte da população, a concentração de rendas, a redefinição dos gastos públicos, com privilégio das áreas de segurança e transportes.

Resposta: B
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

6) (UNIFEI SP/2008) No dia 29 de dezembro de 1992, assumiu o comando da nação, no plano jurídico, o Presidente Itamar Franco. Recebendo uma herança de problemas sociais e econômicos, Itamar Franco nomeou, em 1993, Fernando Henrique Cardoso para o Ministério da Fazenda. Alguns meses depois foi anunciado um plano que tinha como objetivos acabar com a inflação e estabilizar a economia. Esse plano foi o:
a) Plano FHC
b) Plano Verão
c) Plano Itamar
d) Plano Real

Resposta: D
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

7) (FEI SP/2008) Muitos foram os planos de estabilização implantados a partir da década de 80 no Brasil, com o objetivo de debelar o processo inflacionário. Assinale a alternativa que apresenta corretamente o plano e o presidente responsável pela sua implantação:
a) Plano Real – Itamar Franco.
b) Plano Cruzado – Itamar Franco.
c) Plano Bresser – Fernando Henrique Cardoso.
d) Plano Real – Fernando Henrique Cardoso.
e) Plano Real – José Sarney
Resposta: A
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

8) (Fac. Direito de Sorocaba SP/2013) Em seu curto período de governo, o país cresceu e viveu um tempo de ousadia e inovação. (…) ainda tenho fé de que a imprensa produza, passado o tempo, a biografia exata de quem foi o presidente Itamar Franco e do que foi seu governo. (…) O Brasil perdeu mais uma de suas melhores referências políticas. (Senador Pedro Simon, Época, 11.07.2011)
Durante o “curto período de governo” desse presidente, falecido em julho de 2011, ocorreu a
a) formação do Mercosul.
b) implementação do Plano Real.
c) promulgação da atual Constituição.
d) abertura do processo do mensalão.
e) privatização da Vale do Rio Doce.

Resposta: B
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

9) (UNIFOR CE/2013) O controle do processo inflacionário no Brasil ocorreu nos anos 1990 a partir da execução do Plano Real, criado no governo do presidente Itamar Franco. Sobre o Plano Real, podemos afirmar que
a) congelou os preços e salários por três meses e criou a moeda Real (R$).
b) criou a moeda Real (R$), elevou as taxas de juros e estabeleceu o valor do Real (R$) próximo ao valor do Dólar (US$).
c) criou a moeda Real (R$), diminuiu as taxas de juros e estabeleceu a paridade com o Dólar (US$).
d) congelou preços por seis meses, elevou os juros e criou o câmbio flutuante.
e) criou o Real (R$), elevou as taxas de juros e congelou os salários por seis meses.

Resposta: B
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

10) (Mackenzie SP/2012) A respeito do Plano Real, programa brasileiro com o objetivo de estabilização econômica, é correto afirmar que
a) foi elaborado pelo ministro da Economia da época, Dílson Funaro, e apesar da resistência por parte dos partidos de oposição, foi implantado, com sucesso, no final do governo José Sarney.
b) o ministro Fernando Henrique Cardoso, durante o governo Itamar Franco, anunciou o programa que tinha como objetivo acabar com a inflação e estabilizar a economia.
c) o plano econômico, idealizado pela equipe econômica do governo Itamar Franco, não apresentou, inicialmente, resultados expressivos no combate à inflação, o que gerou um desgaste político para o presidente Itamar.
d) a desconfiança, por parte dos partidos de oposição, na eficácia do Plano Real em efetivamente combater a inflação não permitiu que o presidente Itamar pudesse se candidatar à reeleição como presidente da República.
e) o presidente Fernando Henrique Cardoso, para tentar solucionar os problemas relacionados à ineficácia do Plano Real instituiu, no início do seu governo em 1995, uma nova moeda, o real.

Resposta: B
Fonte: Questões sobre o Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

11) (Faceres/2014-2) Leia o texto e responda:
O Brasil clamava por transformações há 20 anos, quando foi criado o Plano Real, de acordo com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. “Nem sempre os povos estão abertos a mudanças. É importante mudar para novo rumo. Mas, mesmo quando se insiste muito, é difícil mudar”, avaliou ele, na abertura do seminário “20 anos depois do Plano Real: um debate sobre o futuro do Brasil”. O Plano Real completa 20 anos em 1º de julho de 2014. (http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,fhc-ha-20-anos-pais-clamava-por-transformacoes,1139940)
Qual a principal conquista do Plano Real:
a) Estabilidade econômica
b) Redução de impostos
c) Fim do período militar
d) Redemocratização
e) Abertura econômica

Resposta: A
Fonte: Questão comentada sobre Plano Real, da Faceres. Acesso em: 25 fev. 2020.

12) (UFPR 2010) Com relação ao modelo econômico que prevalece no Brasil desde o início da década de 1990, é correto afirmar:
a) Radicalizou o protecionismo tarifário a fim de proteger as indústrias nacionais frente à concorrência estrangeira.
b) Promoveu a intensificação da internacionalização da economia, abrindo novos setores econômicos à participação do capital estrangeiro e recorrendo às privatizações.
c) Criou empresas estatais e expandiu as já existentes, a fim de aumentar a participação do Estado Nacional na economia, prevenindo crises econômicas e financeiras.
d) Restringiu a participação do capital estrangeiro em diversos setores de atividade, visando limitar a evasão de divisas representada pela remessa de lucros praticada pelas empresas multinacionais desde a ditadura militar.
e) Para que o governo mantivesse sua legitimidade e sua popularidade, optou pela não redução de quaisquer direitos trabalhistas ou previdenciários.

Resposta: B
Disponível em: Exercícios – Plano Real. Acesso em: 25 fev. 2020.

Materiais Relacionados

1) O(A) professor(a) poderá recordar os conceitos fundamentais através dos seguintes sites:

– PACIEVITCH, Thais. Plano Real. Acesso em: 26 fev. 2020.
– SILVA, David Santos da. O que foi o Plano Real? Acesso em: 26 fev. 2020.
– Roosevelt Garcia. A evolução da moeda brasileira. Acesso em: 28 fev. 2020.
– EDUCABRAS. Plano Real. Acesso em: 26 fev. 2020.
Cédulas do Real. Acesso em: 24 de junho de 2020.

2) O(A) professor(a) poderá também aprofundar o conteúdo através das seguintes obras:

– Global Hates. Histórico de Número de Inflação. Acesso em: 26 fev. 2020.
– CARDOSO. Renato Fragelli. PLANO BRESSER. Acesso em: 24.06.2020.
Museu de Valores: Roteiro para visitantes.
– Folha de São Paulo. O que foi o Plano Collor? Acesso em: 26 fev. 2020.
– ARAÚJO, Izaura. Plano Real – O que foi. Acesso em: 26 fev. 2020.

Arquivos anexados

  1. Plano de aula_PLANO REAL_

Tags relacionadas

Deixe um comentário

Please Login to comment

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.