A resolução de problemas é uma das estratégias recomendadas pelo Ministério da Educação (MEC) no caderno do Pacto Nacional Pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic) dedicado à área de matemática. Pela perspectiva do letramento matemático, o trabalho com as operações (adição, multiplicação, divisão e subtração) deve ser feito por meio de problemas nos quais os alunos são convidados a falar sobre suas estratégias pessoais de resolução.

Ao construir hipóteses, compará-las e relacioná-las, os estudantes conseguem compreender as operações básicas por meio da interação. De acordo com o Pnaic, essa abordagem dever ser adotada antes do ensino da resolução por meio de algoritmos, as contas armadas.

Na entrevista, o formador de professores Alexandre Aparecido da Silva explica o que é uma situação-problema, fala sobre as habilidades desenvolvidas com esse tipo de atividade e compartilha exemplos de exercícios que podem ser realizados com turmas dos anos iniciais do ensino fundamental.

Veja também:
Saiba como o cálculo mental pode ajudar a resolver operações matemáticas

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Contação de histórias ajuda a ensinar cultura africana na escola

Como implementar a lei do ensino de história e cultura afro-brasileira e indígena nas escolas?

Qual o papel da escola no combate à violência contra crianças?

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.