As funcionárias da cozinha da EMEF Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul, na região metropolitana de São Paulo, percebiam um aumento no desperdício dos alimentos oferecidos aos alunos desde o ano passado. Por meio da pesagem dos restos jogados no lixo após as refeições, verificou-se que as quantidades estavam aumentando diariamente.

A partir dessa constatação, a equipe pedagógica resolveu desenvolver um trabalho de conscientização para mudar esse cenário. O tema foi abordado de forma transversal em diferentes disciplinas, com o objetivo final de promover a alimentação saudável, o consumo consciente e reverter o desperdício.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

Contação de histórias ajuda a ensinar cultura africana na escola

Como implementar a lei do ensino de história e cultura afro-brasileira e indígena nas escolas?

Qual o papel da escola no combate à violência contra crianças?

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.