Em junho, acontece no Brasil a Copa das Confederações da FIFA Brasil 2013, evento considerado "teste" para a Copa do Mundo de 2014. A competição acontecerá nas cidades de Fortaleza, Rio de Janeiro, Recife, Salvador, Belo Horizonte e Brasília. Segundo apuração feita pelo NET Educação junto às Secretarias Municipais e Estaduais de Educação, dos locais sedes, a maioria das escolas não fará alterações no calendário letivo nesse período.

Em Salvador, por exemplo, os jogos coincidirão com o recesso junino, que acontece de 20 de junho a 7 de julho. No Rio de Janeiro, dos três jogos do torneio internacional na cidade, apenas um acontecerá durante a semana (Espanha x Taiti, 20 de junho). Por conta disso, a Prefeitura estuda a possibilidade de haver dispensa no turno da tarde nas escolas municipais que ficam no perímetro de isolamento da FIFA, que considera o entorno do Maracanã. Todas as outras escolaas irão funcionar normalmente, incluindo as do Estado.

Em Belo Horizonte não haverá aula nos dias 17 e 26/06, mas já estão sendo progradas as reposições das aulas. Nas demais cidade não haverão alterações no calendário, mas caso as escolas resolvam dispensar os alunos, também haverá compensação do conteúdo.

Copa do Mundo
Para a Copa do Mundo de 2014, o Ministro da Educação Aluísio Mercadante determinou que as escolas ajustem os calendários de aulas durante o período da competição, sem deixar de cumprir o mínimo de 200 dias de trabalho escolar. De acordo com parecer do Conselho Nacional de Educação (CNE), divulgado no Diário Oficial da União (DOU) a interrupção das atividades letivas deve ser feita de forma que a norma da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) seja cumprida. Confira aqui!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

13 dicas para criar uma peça de teatro com os alunos

Professores recomendam trabalhar com jogos, improvisações, literatura e música no processo criativo

Como ensinar ginástica na educação física escolar?

Professoras indicam 8 possibilidades para desenvolver com alunos do ensino fundamental

11 formas de acolher o aluno com síndrome de Tourette

Ambiente inclusivo evita que estudantes sofram com bullying e dificuldades de aprendizagem

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.