Alunos da Escola Professor Jociê Caminha de Menezes, da rede
estadual cearense no laboratório de Ciências (Crédito: divulgação)
 
 
A Secretaria da Educação do Ceará iniciou, em 2016, a implantação do tempo integral em 26 escolas estaduais de ensino regular. A expansão do tempo do aluno na escola começou com turmas da 1ª série do ensino médio e promete abranger, gradualmente, outras séries e escolas. Neste formato, o currículo é mesclado entre os conteúdos estabelecidos na base comum em nível nacional e atividades educativas diversas.
 
“Trabalhamos com o conceito de currículo expandido. A proposta é trabalhar conteúdos curriculares o dia inteiro, mas resignificando o ensino médio. Não adianta colocar mais matérias sem mudar o desenho e tornar a ida à escola mais atrativa”, defende o coordenador de Planejamento e Políticas Educacionais da Secretaria da Educação (Seduc), Lucas Fernandes. Confira a entrevista completa para  NET Educação a seguir. 
 
NET Educação  Com qual conceito de educação integral o Estado do Ceará está trabalhando? 
 
Lucas Fernandes  Estamos trabalhando com um conceito de escolas que funcionam em tempo integral. Esse é o primeiro passo para uma educação integral, que tem um sentido mais amplo. Escolhemos o ensino médio para este projeto piloto porque, de 440 mil matrículas na nossa rede estadual, apenas 40 mil corresponde a ensino fundamental II. O restante diz respeito apenas ao ensino médio.
 
 
NET Educação  Como o currículo é trabalhado nesta carga horária estendida?
 
Fernandes  Não trabalhamos com o conceito de contraturno. Parece que as disciplinas tidas como “sérias” ficam restritas ao período diurno e, durante a tarde, a criança fica solta, apenas brincando. Trabalhamos com o conceito de currículo expandido. A proposta é trabalhar conteúdos curriculares o dia inteiro, mas resignificando o ensino médio. Não adianta colocar mais matérias sem mudar o desenho e tornar a ida à escola mais atrativa. 
 
NET Educação  Como funcionam estas disciplinas? 
 
Fernandes  Estamos trabalhando com a flexibilização do currículo e com a temática da iniciação científica. O objetivo é o protagonismo juvenil. Há componentes, por exemplo, como o “clube”. Ele é formado por disciplinas geradas pelos próprios alunos. A escola monta no currículo matemática voltada para música, xadrez, judô, história cearense, entre outras opções. Assim, há uma autogestão e um protagonismo dos próprios estudantes. Para essas disciplinas, é levada em consideração a vocação de cada comunidade específica. É como se fizéssemos uma pergunta: “o que vocês querem ver na sua escola?”. 
 
NET Educação  Como a tecnologia é incorporada nesse novo currículo? 
 
Fernandes  Temos o “E-jovem”, disciplina voltada para o mercado de trabalho e tecnologia. Ela abrange desde princípios básicos de lógica até programação. 
 
NET Educação  Este projeto piloto está sendo implantado em quantas escolas na rede?
 
Fernandes  A gente já tinha uma escola regular que funcionava em tempo integral desde 2007, mas não era um modelo em larga escala. Hoje, trabalhamos em dois módulos. As escolas regulares que funcionam em tempo integral, são atualmente, 26: uma em cada região do estado do Ceará. Mas há também 113 escolas profissionalizantes, que correspondem a 12% da matrícula. O objetivo é expandir para 140 escolas até 2018.  Essas escolas estaduais de Educação Profissional funcionam das 7h às 17h e ofertam cursos técnicos integrados ao ensino médio, com duração de três anos. Durante o terceiro ano, há um estágio curricular obrigatório e remunerado a todos os alunos. É possível identificar que 60,8% dos alunos que finalizam os estudos nelas estão inseridos no mercado de trabalho ou em uma universidade. 
 
NET Educação  Como será a avaliação deste projeto piloto em escolas regulares?
 
Fernandes  O objetivo é fazermos uma avaliação ano a ano. Além das avaliações de proficiência, realizadas pelos exames externos, também iremos avaliar os resultados socioemocionais. A intenção é avaliar para corrigir erros de percurso e expandir gradualmente.
 
Atividades de artes cênicas também são previstas nas escolas
de tempo integral (Crédito: divulgação)

 

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Talvez Você Também Goste

13 dicas para criar uma peça de teatro com os alunos

Professores recomendam trabalhar com jogos, improvisações, literatura e música no processo criativo

Como ensinar ginástica na educação física escolar?

Professoras indicam 8 possibilidades para desenvolver com alunos do ensino fundamental

11 formas de acolher o aluno com síndrome de Tourette

Ambiente inclusivo evita que estudantes sofram com bullying e dificuldades de aprendizagem

Receba NossasNovidades

Receba NossasNovidades

Assine gratuitamente a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre os projetos e ações do Instituto Claro.